Molde da máscara de proteção anatômica - molde máscara de tecido

Molde para máscara de proteção facial em tecido, modelo anatômico. Recorte 4 x, duas frentes e dois versos, recomendo adicionar uma camada interna para aumentar a filtração de ar, como uma entretela fina, flanela ou tnt por dentro para aumentar a filtração de ar.

Antes de condenar as máscaras de tecido pare e pense, de que material eram feitas as primeiras máscaras usadas por médicos e enfermeiras lá pelo século 18? Exatamente, de tecido, e demorou algum tempo até as máscaras começarem a ser feitas em tecido não tecido (TNT) como recomenda a Anvisa. Exatamente porque tem sua utilidade é que as máscaras de tecido são tão populares principalmente em países asiáticos.

Máscaras de tecido são úteis contra o Corona Vírus?

Um artigo da BBC diz que: "Máscaras cirúrgicas começaram a ser adotadas em hospitais no fim do século 18, mas só passaram a ser usadas pelo público apóa a epidemia da gripe espanhola em 1919, que matou mais de 50 milhões de pessoas.

David Carrington, professor da Universidade de Londres, afirmou à BBC News que esse tipo de máscara não é eficaz contra vírus e bactérias que circulam no ar porque elas são muito frouxas, não têm filtro de ar e deixam os olhos expostos." Para corrigir isso podemos colocar um pedaço de arame na parte do nariz, para moldar melhor ao redor do nariz, como nas máscaras que compramos nas farmácias.

Contrariando o que vem dizendo nossa Anvisa, o professor londrino diz que as máscaras de tecido: "(...) podem ser úteis para minimizar o risco de contrair um vírus por meio de respingos de espirros ou tosses, além de evitar a contaminação mão-boca. Um estudo britânico de 2016 indica que as pessoas tocam seus rostos cerca de 23 vezes por hora. Leia a matéria completa na BBC.

Usar uma máscara dificilmente impedirá que você fique doente se encontrar outra pessoa infectada. No entanto, isso pode impedir que você espalhe o vírus para outras pessoas, mesmo que não tenha sintomas.

Usar uma máscara não é suficiente para impedir a propagação em si, mas é mais uma ajuda.

Os usuários também são aconselhados a praticar os bons métodos habituais de higiene, como tossir no cotovelo e não na mão; usando gel desinfetante para as mãos; não tocando seu rosto; ficar dentro de 1-2 metros de distância dos outros; e lavar as mãos por 20 segundos com água e sabão.

As pessoas são aconselhadas a usar uma máscara ao sair de casa, mesmo que não apresentem sintomas, pois um grande número de portadores do vírus pode ser assintomático ou apresentar apenas sinais leves. Eles podem não perceber que são portadores e podem espalhar o vírus para outras pessoas sem saber.

Estudos demonstraram que as máscaras caseiras não são tão eficazes quanto as máscaras cirúrgicas ou os modelos FFP2 padrão ouro, mas podem ser úteis no entanto.

De acordo com a nota técnica da Anvisa n° 05/2020  (Pág. 12 , veja aqui) esses cuidados devem ser seguidos ao utilizarem as máscaras cirúrgicas: 

- coloque a máscara cuidadosamente para cobrir a boca e o nariz e ajuste com
segurança para minimizar os espaços entre a face e a máscara;
- enquanto estiver em uso, evite tocar na parte da frente da máscara;
- remova a máscara usando a técnica apropriada (ou seja, não toque na frente
da máscara, mas remova sempre pelas alças laterais);
- após a remoção ou sempre que tocar inadvertidamente em um máscara usada,
deve-se realizar a higiene das mãos;
- substitua as máscaras por uma nova máscara limpa e seca, assim que
tornar- se úmida;
- não reutilize máscaras descartáveis;




 Clique aqui para baixar o arquivo em PDF:


Como baixar? Na página que se abrirá do OneDrive clique
nos três pontinhos na parte superior nas opções que aparecer clique em baixar.








Comentários